CUFP

Fonte da imagem: Jornal de Notícias

Instalações da fábrica da CUFP – Companhia União Fabril Portuense de Cerveja e Bebidas Refrigerantes – Sociedade Anónima de Responsabilidade Limitada, conhecida como «CUFP», situadas na esquina da Rua de Júlio Dinis (onde se encontram actualmente os edífícios «Mota-Galiza» e Rua da Piedade.
O edifício ficou concluído em Janeiro de 1904, situando-se na Rua da Piedade nº140 a sede da empresa e unidade fabril.
A empresa foi o resultado da fusão de sete fábricas de cerveja, 6 do Porto e uma de Ponte da Barca ( Fábrica da Piedade, Fábrica do Mello, M. Achvek & Cia., J.J. Chentrino &Cia, J.J. Persival & Cia e M. Schereck e a Fábrica de Ponte da Barca), tendo sido criada no dia 7 de Março de 1890 com um capital de 125 contos de reis, distribuídos por 1250 acções de cem mil reis cada. A sua sede e unidade fabril situava-se inicialmente na Rua do Mello.
Em 1964 foram inauguradas as instalações fabris em Leça da Palmeira. Em 1971 foi terminada a demolição das instalações de Júlio Dinis.
A empresa foi nacionalizada durante o processo revolucionário a seguir ao 25 de Abril de 1974 e em 1977, foi criada a empresa UNICER, por fusão da CUFP com outras duas cervejeiras: a Imperial e a Copeja. A Unicer foi privatizada em 1990.
Anúncios

6 pensamentos sobre “CUFP

  1. São dois os edifícios, como se vê na foto. Um mais antigo, de 1904 e outro mais recente, o da esquina, dos anos 30, projectado por Arménio Losa. Todo este terreno que chegou a ser comprado por Fernando Martins é hoje um jardim. Fernando Martins permutou o terreno por outro na Rua Diogo Botelho, frente à Católica, onde construiu. Os edifícios Mota-Galiza foram construídos no terreno da Fábrica do Jacinto, na Rua da Piedade mais a poente.

    Gostar

  2. São dois os edifícios, como se vê na foto. Um mais antigo, de 1904 e outro mais recente, o da esquina, dos anos 30, projectado por Arménio Losa. Todo este terreno que chegou a ser comprado por Fernando Martins é hoje um jardim. Fernando Martins permutou o terreno por outro na Rua Diogo Botelho, frente à Católica, onde construiu. Os edifícios Mota-Galiza foram construídos no terreno da Fábrica do Jacinto, na Rua da Piedade mais a poente.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s